SACImprensaMapa do Portal A+ R A-
Página Inicial » Observatório » Notícias e Análises » Dia Nacional do Café será comemorado em Brasília na Câmara dos Deputados Federais

Dia Nacional do Café será comemorado em Brasília na Câmara dos Deputados Federais

E-mail Imprimir

O evento será realizado dia 28 de maio e vai destacar os atributos positivos do café, além da importância econômica e social do café para o Brasil. O Dia Nacional do Café foi estabelecido em 24 de maio, início da colheita nas principais regiões produtoras.

O café é bebida de preferência nacional tendo conquistado cada vez mais adeptos no Brasil e no exterior, especialmente nas últimas décadas. É a segunda bebida mais consumida no País, perdendo apenas para a água. Segundo a Associação Brasileira da Indústria do Café – ABIC, o consumo de café deverá crescer de forma mais intensa em 2015 e alcançar 21 milhões de sacas no ano. Em 1990, o consumo interno brasileiro era de apenas 8,2 milhões de sacas; em 2013, atingiu 20,1 milhões; e, em 2014, 20,3 milhões.

Evolução crescente também é observada nas exportações brasileiras de café, de acordo com a edição de abril do Informe Estatístico do Café, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa. O produto representou 8,7% das exportações agrícolas brasileiras de janeiro a abril deste ano, período em que foram embarcadas mais de 12 milhões de sacas, com receita de US$2,2 bilhões, permanecendo como o quinto produto no ranking, atrás do complexo soja, carnes, produtos florestais e complexo sucroalcooleiro.

Em 2014, a safra alcançou 45,3 milhões de sacas; as exportações foram de 36,7 milhões de sacas e o mercado interno consumiu mais de 20 milhões de sacas. A previsão para 2015, segundo a primeira estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento – Conab (Jan 2015), é que sejam colhidas entre 44,11 e 46,61 milhões de sacas. Esses números da produção confirmam o Brasil como fornecedor de um terço do mercado mundial de café.

Esses são indicadores que apontam o Brasil como maior produtor e exportador mundial de café e o segundo consumidor. Além disso, a atividade cafeeira gera riquezas para a Nação, entre elas, divisas, renda e emprego para milhares de brasileiros, impulsionando a economia e o desenvolvimento nacional com sustentabilidade. A importância econômica e social do café também será destacada no próximo dia 28 de maio, na Câmara dos Deputados com evento para celebrar o Dia Nacional do Café, comemorado em 24 de maio por industriais, cooperativas e associações de produtores, varejistas, cafeterias e consumidores. Essa data simboliza o início da colheita do café.

Na Câmara dos Deputados Federais, serão promovidas degustações de cafés de alta qualidade e de origens distintas, preparados como expressos ou filtrados. A iniciativa vai também divulgar o novo branding "Brazil. The Coffee Nation", da Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA, na sigla em inglês), que pretende posicionar o País também como origem de produtos de cafés reconhecidos por sua alta qualidade, presentes nos mais sofisticados e exigentes centros de consumo do mundo.

A cerimônia de comemoração do Dia do Café em 28 de maio será realizada na Área de exposições – Hall da Taquigrafia de acesso aos gabinetes dos parlamentares ao plenário, de 9h às 17h. Baristas experientes estarão à disposição para preparar um excelente café e ainda dar dicas de formas de preparo. Além da colocação de banners alusivos à data, haverá distribuição de folders e folhetos sobre os benefícios do café à saúde e a importância da pureza como atributo da qualidade.

A realização da degustação é uma iniciativa da ABIC, BSCA e da Frente Parlamentar Mista do Café. A ação conta com o apoio das demais entidades do setor: Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (ABICS), Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (CeCafé), Conselho Nacional do Café (CNC), Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), além do SEBRAE e da Apex-Brasil. A ABIC, ABICS, CeCafé, CNC e CNA são as cinco instituições privadas que integram o Conselho Deliberativo da Política do Café – CDPC, do Mapa.

Pesquisa, produção e indústria - Esse protagonismo do café é resultado da ação coordenada de centenas de pesquisadores, técnicos e extensionistas das instituições integrantes do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café, em sintonia com o setor responsável pela produção e industrialização do café Brasil. O resultado é a ampliação da presença do café brasileiro, com mais sustentabilidade e qualidade, no País e a conquista e consolidação de mercados no exterior. "A conjugação de esforços da pesquisa, ensino e extensão com a produção e a indústria propiciou desenvolver cultivares de café cada vez mais produtivas e melhores, entre tantas outras tecnologias, o que tem permitido o aumento verificado no consumo interno, como também da produção e exportação", completa o gerente geral da Embrapa Café, Gabriel Bartholo, responsável pela coordenação do Consórcio Pesquisa Café.

Evolução da cafeicultura - No Brasil, de acordo com o Informe Estatístico do Café, do Departamento do Café – Dcaf, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Mapa, a partir de 1997, com a criação do Consórcio Pesquisa Café, a evolução da cafeicultura se deu de forma bastante expressiva. A área de cultivo nesse ano era de 2,4 milhões de hectares, a produção de 18,9 milhões de sacas de 60 kg e a produtividade de 8,0 sacas/hectare, com o consumo per capita de 4,3 kg de café. Passados 18 anos, de acordo com o Levantamento de Safra da Companhia Nacional de Abastecimento – Conab (janeiro/2015), houve redução da área de cultivo para 1,9 milhões de hectares e, em 2014, o País produziu 45,3 milhões de sacas, com produtividade de 23,3 sacas/ha. E o consumo per capita, nesse mesmo período, também de acordo com o Informe Estatístico, aumentou para 6,12 kg.

Em nível mundial, segundo a Organização Internacional do Café – OIC, em 1997, a produção foi de 99,7 milhões de sacas de 60 kg e o Brasil participou com 19% desse mercado. E, em 2014, como a produção mundial evoluiu para 141,4 milhões de sacas e, a brasileira, para 45,3 milhões de sacas, nossa participação subiu para 32% do mercado mundial, com redução de aproximadamente 20% da área de cultivo. Contribuíram para essa evolução, nesses 17 anos, cerca de mil projetos de pesquisa desenvolvidos no âmbito do Consórcio Pesquisa Café que geraram tecnologias, conhecimentos básicos, produtos e processos que beneficiaram direta e indiretamente a produção, colheita e pós-colheita, beneficiamento e industrialização do café.

Observatório do Café – Desenvolvido pela Embrapa Café, no contexto do Agropensa da Embrapa, tem como objetivos principais coletar, analisar e disseminar, de forma sistemática, dados estatísticos, informações sobre tendências de produção e consumo, oportunidades e ameaças dos mercados e possíveis trajetórias do processo de inovação, além de resultados de pesquisas realizadas pelo Consórcio Pesquisa Café e suas implicações para a competitividade do agronegócio cafeeiro e ainda subsidiar políticas públicas e a tomada de decisão pelos diversos protagonistas do setor.

No Observatório do Café estão disponíveis, entre outros, as seguintes publicações, documentos e análises das instituições integrantes e parceiras do Consórcio Pesquisa Café: Relatório de Atividades da Embrapa Café - 2012 a 2015Revista Coffee SciencePublicações Técnicas (com informações sobre tecnologias desenvolvidas pelas instituições consorciadas); imagens e vídeos sobre cafeiculturaInforme Estatístico do Café; Valor Bruto da ProduçãoRelatório Internacional de Tendências do CaféRede Social do CaféClipping do Café do ConsórcioSAC – Consórcio Pesquisa CaféAcompanhamento da Safra BrasileiraRelatório Final de Levantamento de Estoques Privados de CaféEvolução do Consumo InternoTendências de Consumo de Café no BrasilRelatório sobre Mercado de CaféRelatórios de Atividades da Embrapa Café e Sistema de Informação do Café disponível – SBICafé, entre outros.

 

Gerência de Transferência de Tecnologia

Texto: Flávia Bessa – MTb 4469/DF e Lucas Tadeu Ferreira – MTb 3032/DF, com informações da ABIC e da BSCA

Contatos: (61) 3448-1927/1979 e  Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Site: www.embrapa.br/cafe www.consorciopesquisacafe.com.br